banner.jpg


Bem vindo ao website sobre Allophylus L. (Sapindaceae)


Allophylus edulis

As plantas do gênero Allophylus podem ser arbustos ou árvores monóicas, com folhas pecioladas, compostas, imparipinadas, unifolioladas, trifolioladas ou raramente pentafolioladas; os folíolos são denteado-serreados, com presença ou não de domácias na face abaxial. As inflorescências são do tipo tirso, geralmente simples e raramente duplo, axilar, geralmente subespiciforme, com cincinos paucifloros. As flores são zigomorfas, pequenas, brancas, com cálice 4(-5) mero, dialissépalo, de sépalas cuculadas, as 2 externas ovais, as 2(-3) internas, suborbiculares, ciliadas; a corola é 4(-5)-mera, com pétalas espatuladas, glandulosas, margens do apêndice basal concrescidas às pétalas, bífida ou bipartida, formando duas linguetas inflexas, curtas, vilosas e ciliadas; o disco nectarífero é anelar ou com 4 glândulas nectaríferas; o androceu é excêntrico, com 8 estames e filetes filiformes; o gineceu também é excêntrico, 3(-2)-carpelar, ovário 3(-2)-lobado, com um óvulo por carpelo, o estilete é filiforme, ginobásico, e o estigma pode ser trífido ou bífido. Os frutos são esquizocárpicos, mericarpos drupáceos, com 1-3 cocos, epicarpo membranáceo, mesocarpo carnoso, vermelho, endocarpo lenhoso, e as sementes obovóides ou subesféricas, com tegumento membranáceo; o embrião é curvo, com cotilédones crassos, subretos ou cotilédone externo curvo e interno biplicado.

(Baseada em Acevedo-Rodríguez & Beck 2005).

Universidade Estadual de Campinas

Apoio

Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo






Base de dados criada por Rubens Coelho.



Para esclarecimento de dúvidas ou sugestões, entre em contato:

binhoht@hotmail.com

1.jpg 2.jpg 3.jpg 4.jpg 5.jpg 6.jpg